WhatsApp%20Image%202020-10-09%20at%2022.

S.O.M.E.

Saúde Organizacional, Mental e Emocional

Para elaboração do Projeto S.O.M.E. (Saúde Organizacional, Mental e Emocional), Sabrina Müller estudou e criou formas simples e eficazes de inserir práticas adaptadas de mindfulness e meditação nas rotinas de profissionais das áreas de saúde, educação e corporativa. 

Com o S.O.M.E., já foram elaborados projetos de meditação - ou projetos de bem-estar - para diversas empresas - os projetos são sempre adaptados à rotina e às necessidades de cada instituição.

Os resultados e feedbacks têm sido excelentes, pois ao adotarem as práticas sugeridas, os profissionais reconhecem sua eficácia e os resultados positivos em suas vidas profissionais e pessoais e em sua saúde física, mental e emocional

Dados mundiais mostram que empresas que
investem em uma cultura de bem estar chegam a obter:

- Incremento em produtividade de até 31% (Greenberg & Arawaka)
- Incremento em retenção de até 44% (Gallup)
- Redução de absenteísmo por doença de até 66% (Forbes)
- Redução de turnover de até 55% (Gallup)

Palestras e Programas
Corporativos Customizados e Adaptados às Necessidades de Cada Instituição.

Mindfulness trabalha a atenção plena no momento presente e a compaixão em experiências desafiadoras. Através do treinamento de mindfulness aprende-se a perceber pensamentos, sensações corporais e emoções, evitando reações automáticas. Com isso, é possível fazer escolhas mais conscientes e funcionais, influenciando positivamente na maneira como os desafios cotidianos são gerenciados. 

Com a prática meditativa é possível aumentar o tempo em que se está presente no aqui e agora, respondendo com intenção e gentileza e diminuir o tempo de distração, reatividade e agressividade.

Estas práticas nas organizações contribuem na melhora da capacidade colaborativa, produtividade e competência nas tomadas de decisões.

Os benefícios neurológicos da práticas de bem-estar se associam a um aumento da inteligência emocional, especialmente a empatia e a auto-regulação emocional. Com esta prática, áreas mais avançadas do cérebro são utilizadas para restaurar o controle das emoções, e para escolher respostas mais apropriadas ao contexto e às circunstâncias. Pesquisas têm mostrado resultados como diminuição de stress, ansiedade e depressão, e aumento de foco, produtividade e satisfação.

Uma organização inteligente é aquela que investe na saúde mental e emocional de seus funcionários. Uma organização inteligente é uma organização saudável

Sabrina J Müller

Você sabe o que é FIB?

Felicidade Interna Bruta (FIB) ganhou destaque mundial em 2012, após reunião da ONU, na qual o FIB foi apontado como novo paradigma de desenvolvimento socioeconômico. O termo Felicidade Interna Bruta foi cunhado pelo quarto rei do Butão, questionado sobre o Produto Interno Bruto de seu país, ele apontou que no Butão o FIB era mais importante que o PIB. A partir daí, o país passou a orientar suas políticas e planos de desenvolvimento com foco no FIB.

O FIB engloba filosofia, modelo de gestão e índice. Como filosofia está apoiado em valores tangíveis e intangíveis, não se opondo ao PIB, mas à ideia de que a busca pela prosperidade seja o objetivo único do Estado. Defende que o desenvolvimento sustentável deve adotar uma abordagem holística em relação às noções de progresso e dar igual importância aos aspectos não econômicos, como o bem-estar da população e a preservação do meio ambiente. Enquanto modelo de gestão, o FIB está alicerçado em quatro diretrizes: desenvolvimento econômico sustentável, preservação do meio ambiente, promoção e preservação da cultura e boa governança. Como índice, o FIB mensura as condições da população para a felicidade e não a felicidade em si. 

De natureza multidimensional, difere das escalas de bem-estar subjetivo concebidas no ocidente e não está focado na felicidade individual apenas, por considerar que a busca pela felicidade é coletiva. Avalia nove domínios: Bem-Estar Emocional, Saúde, Uso do Tempo, Vitalidade Comunitária, Educação, Cultura, Resiliência Ecológica, Boa Governança e Padrão de Vida. O índice FIB é elaborado a partir de pesquisa nacional por amostragem, realizada a cada 5 anos. Funciona como ponto de partida para a realização do Plano de Governo para os 5 anos subsequentes, cabendo às lideranças estabelecer políticas públicas e ações que incrementem os domínios vulneráveis, com o objetivo de elevar o índice.

O FIB é aplicado a instituições governamentais e corporativas.

Sabrina Müller é também facilitadora FIB formada pelo Instituto Feliciência.

Rdea5597771aea47fb8a6ab0a03a1118f.png

Alguns Clientes do Projeto S.O.M.E.

Logo-HEAB-HOSPITAL-ESTADUAL-AMERICO-BRAS
logo-florescer_02.png
DHL logo.jpg
concurso-TRT-23.jpg